Iguatemi Esplanada implanta horário especial de carnaval

Sábado (02/03): Lojas, alimentação e lazer das 10h às 22h

Domingo (03/03): Lojas das 12h às 20h; Lazer e alimentação das 10h às 22h

Segunda-feira (04/03): Lojas, alimentação e lazer das 10h às 22h

Terça-feira (05/03): Lojas das 12h às 20h; Lazer e alimentação das 10h às 22h

Quarta-feira (06/03): Lojas, alimentação e lazer das 12h às 22h

Serviço: Horário especial para o feriado de carnaval

Endereço Ala Sul: Av. Gisele Constantino, 1850 – Parque Bela Vista – Votorantim
Endereço Ala Norte: Av. Izoraida Marques Peres, 401 – Altos do Campolim – Sorocaba

Informações: (15) 3219.9900 / www.iguatemiesplanada.com.br /

Iguatemi Esplanada promove Festival Gastronômico

Sobre o Shopping Iguatemi Esplanada

Fruto da união da história que o shopping Esplanada construiu na região com a expertise e qualidade da marca Iguatemi, o Iguatemi Esplanada é um dos maiores complexos de uso misto do interior de São Paulo, unindo o shopping e uma torre comercial. O shopping tem mix completo e adequado ao público da região. No total são 390 lojas, 40 operações de alimentação, sendo oito restaurantes, sete salas de cinema, além de um estacionamento com 4.200 vagas, sendo 2.000 delas cobertas. Mais do que isso, o Iguatemi Esplanada oferece serviços exclusivos e tem como missão proporcionar experiências únicas a seus clientes.

 

Siga o Iguatemi Esplanada Shopping nas redes sociais

Instagram – iguatemiesplanada
Facebook – facebook.com/iguatemiesplanada


Sobre Sorocaba

As bases físicas sobre as quais se encontra o município começaram a ganhar forma há milhões de anos, com a definição geológica da bacia do rio Sorocaba, na chamada depressão periférica. Até há pouco tempo, a historiografia sorocabana afirmava que a região em que se encontra o município de Sorocaba era habitada antes de sua fundação por índios Tupis. A prova disso seria um mapa de Guilherme Blaeu, de 1640, em que a região de Sorocaba aparece em território Tupiniquim e as urnas funerárias encontradas na cidade. No entanto, um estudo recente, publicado na REU (Revista de Estudos Universitários) da Uniso (Universidade de Sorocaba), demonstrou que o mapa citado como prova pela historiografia sorocabana é fraudulento, tratando-se de uma sobreposição moderna de dois outros mapas, o Plata Americae provincia de Corneille Wytfliet e o Accuratissima Brasilae Tabula de Joannes Janssonius.

Além disso, sabe-se que os Tupi se localizavam na costa do Brasil e não no interior, como fica evidente no trabalho do arqueólogo Joaquim Brochado. Por fim, o importante mapa etno-histórico de Curt Nimuendaju localiza a região de Sorocaba em território Jê. Portanto, ao contrário do que afirma a historiografia sorocabana, a hipótese de que Sorocaba fosse fundada em território Tupi está completamente fora de cogitação.] Da mesma forma, a ideia de que o Peabiru cortasse a cidade de Sorocaba permitindo o comércio dos índios com os incas não passa de especulação e carece de fontes históricas e arqueológicas. No entanto até hoje são encontradas cerâmicas indígenas. Por exemplo, durante escavações efetuadas para a instalação do sistema de esgoto em fevereiro de 2006, encontraram-se pedaços de cerâmica rústica a cerca de dez quilômetros do centro da cidade, no bairro Brigadeiro Tobias. Diferentemente do que a velha e desatualizada historiografia sorocabana prega, esses pedaços de cerâmica não foram produzidos por índios “pré-históricos”, mas por escravos indígenas levados pelos fundadores da vila de Sorocaba.

Sobre contato@olaitapetininga.com.br 464 Artigos
E-MAIL: contato@olaitapetininga.com.br

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta