Rotina skin-care: o que é diário, semanal e mensal nos cuidados com a pele

pele

Sol, frio, tempo seco, poluição, poeira, produtos químicos, má alimentação, cigarro, insônia, radicais livres, enfim, nós sabemos de cor tudo que faz mal para a pele. Mas nem sempre colocamos em prática o plano de ataque contra o inimigo: os cuidados diários, semanais e mensais com a pele. E são tantos produtos disponíveis no mercado, que é difícil saber até por onde começar. “É primordial visitar um dermatologista, que vai prestar atenção a alguns fatores como: idade, tipo de pele, nível de agressão cutânea sofrida no dia-a-dia e o tratamento adequado. De uma maneira geral, várias providências devem ser tomadas, cada uma com sua periodicidade”, diz a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Muitas, contudo, podem ser feitas em casa e a dermatologista explica um pouco mais:

Cuidados diários

“Esta paciente deve higienizar muito bem a pele duas vezes ao dia, pela manhã e à noite, e a seguir utilizar uma loção tônica que recupere o pH cutâneo e promova hidratação, ação calmante ou, se necessário, ação de controle da oleosidade. O creme para área dos olhos deve ser usado, duas vezes ao dia, de manhã e à noite. Logo em seguida, complementando o processo de limpeza e hidratação, um bom hidratante, quase sempre na forma de um sérum e, no caso das peles mais secas, cremes mais robustos que formem um filme na pele contra a perda de água transepidermal”, explica a médica. Pela manhã, independente da época do ano, a dermatologista recomenda o uso do filtro solar com FPS 30 e se a pele apresentar manchas procurar utilizar filtros com cor que protegem mais da luz visível. “Os filtros devem conter proteção para UVB, UVA, INFRA RED, e luz visível em um conceito mais atualizado e abrangente”. As fórmulas de fotoproteção podem conter, ainda, vitaminas como a A, E e C, antioxidantes e ativos calmantes que diminuem a hipersensibilidade, a predisposição à queimadura, eritema solar e fotoenvelhecimento, como o extrato da flor de Edelweiss.

Nos produtos de revitalização e prevenção, prossegue a médica, é necessário usar ativos como Sculptessence derivado da semente do linho, o ácido hialurônico Hyaxel e os manipulados com Progenitrix, um ativo inovador que atua em células progenitoras (células maestro) estimulando a renovação e proliferação celular na camada dermoepidérmica, o que é importante para flacidez, rugas e, em menor escala, manchas. “Usar produtos à base de ácido hialurônico, vitaminas antioxidantes, fatores de crescimento e peptídeos que estimulem proteínas da longevidade e proteção celular como a sirtuína-1. Além disso, à noite sob a indicação de um especialista, iniciar o uso de vitamina C, alfa-hidroxiácidos e Vitamina A ácida associados ou não a clareadores dependendo da necessidade da pele em questão, que promovem efeito de renovação, aumento do Turn over celular e clareamento da pele, melhoram a perfusão sanguínea do tecido, destacam as células envelhecidas e estimulam a proliferação celular no tecido cutâneo, o que promove rejuvenescimento, melhora da textura da cor e da elasticidade da pele”, destaca a dermatologista.

Cuidados semanais

A esfoliação promove a retirada da camada superficial da pele, o que já é suficiente para homogeneizar sua aparência e aumentar a penetração do hidratante. Os esfoliantes devem ser espalhados em movimentos circulares, tomando o cuidado para não exagerar no atrito, pois pode provocar aprofundamento da esfoliação, formando cascas e manchas. Além disso, fique atento às fórmulas: “Um bom esfoliante deve ter partículas de pequeno ou médio tamanho, uniformes e de preferência de origem natural, como a seda do arroz retirada da casca deste alimento, das sementes de apricot, linhaça e um triturado natural como as sementes de tâmara. Além disso, deve ter a capacidade de remover as impurezas sem agredir o tecido cutâneo por apresentar na sua formulação produtos calmantes anti-inflamatórios, hidratantes e antissépticos. O ideal é que seja na forma de um creme ou sabonete com estes grânulos que ajudem na higienização perfeita”, afirma.

            Outro cuidado semanal importante é o uso das máscaras faciais que, no geral, trazem ativos em alta concentração e que promovem uma oclusão na pele, facilitando a penetração dos ativos. “Essas máscaras podem promover hidratação profunda como indicação para a pele seca; ação calmante no caso de peles com rosácea ou sensíveis; controle da oleosidade no caso de peles mais oleosas e com tendência à acne”, afirma.

Cuidados mensais

A limpeza de pele é um procedimento complexo e delicado, feito por profissionais experientes. Geralmente, indica-se uma por mês, para peles oleosas, ou a cada dois ou três meses, para peles mistas e secas. É indicada para a extração de comedões (cravos). Dependendo da necessidade, várias tecnologias podem ser usadas em protocolos mensais com o objetivo de clarear manchas, reduzir rugas, melhorar a textura da pele, eliminar cicatriz, entre outros tratamentos.

Fonte: Dra. Claudia Marçal

Dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, com especialização pela Associação Médica Brasileira (AMB), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da American Academy of Dermatology (AAD), CME (Continuing Medical Education) na Harvard Medical School.

Sobre Redação 348 Artigos
E-MAIL: contato@olaitapetininga.com.br

1 Trackback / Pingback

  1. Saiba qual o melhor cosmético multifuncional para as necessidades da sua pele | Itapetininga Notícias

Deixe uma resposta