Escritor Paulo Stucchi promove evento no Museu da Energia em Itu

Mistérios da Alemanha nazista chegam a Itu com A Filha do Reich

Depois do lançamento oficial na XIX Bienal do Internacional do Livro do Rio, o livro A filha do Reich, do escritor e jornalista Paulo Stucchi, terá uma noite de autógrafos em Itu. O evento acontece no dia 19 de outubro, às 19 horas, no Museu da Energia. Publicada pela Editora Jangada, do Grupo Editorial Pensamento, a obra é perfeita para quem gosta de mistérios e reviravoltas. Trata-se de uma iniciativa da Academia Ituana de Letras.

Na trama, o publicitário Hugo Seemann viaja de São Paulo para a cidade gaúcha ao receber a notícia da morte de seu pai Olaf, um ex-soldado alemão. O que era para ser uma mera formalidade de despedida, torna-se uma jornada à longínqua Alemanha nazista e ao passado sombrio do pai. O livro envolve amizade, traição, morte, amor, milagres e uma obscura organização surgida na época do Terceiro Reich que está por trás de um grande segredo: a verdadeira identidade de uma criança conhecida somente como A Filha do Reich.

Paulo Stucchi é ituano e este é seu terceiro livro de ficção com fundo histórico. A primeira obra do gênero foi O triste amor de Augusto Ramonet, que se passa no Chile de Salvador Allende, durante o golpe de Estado de Pinochet. Depois, o jornalista escreveu o romance Menina – Mitacuña, que tem ambientação na Guerra do Paraguai.

Novo livro de ficção histórica do autor ituano Paulo Stucchi terá noite de autógrafos na cidade em outubro
Novo livro de ficção histórica do autor ituano Paulo Stucchi terá noite de autógrafos na cidade em outubro. Foto: divulgação

Sobre o evento:
Lançamento: 
A Filha do Reich
Local: 
Museu da Energia
Rua Paula Souza, 669 – Centro, Itu – SP
Dia: 19 de outubro
Horário: 19 horas

Ficha Técnica
Título: 
A Filha do Reich
Autor: Paulo Stucchi
ISBN:  978-8555391408
Páginas: 416
Edição: 3 de julho de 2019
Formato: 16 x 2,2 x 23 cm
Valor: R$ 39,00 

Sinopse do livro: Ao receber a notícia da morte de seu pai Olaf – um ex-soldado alemão refugiado no Brasil –, Hugo Seemann viaja à Serra Gaúcha para cuidar do funeral. Contudo, o que parecia ser uma mera formalidade de despedida a um pai que nunca conhecera de verdade, torna-se uma jornada ao passado – aos horrores da Alemanha nazista. Durante o funeral, Hugo recebe a visita da jovem Valesca Proença, que lhe mostra uma carta enviada por Olaf à sua mãe, contendo estranhas revelações que contradizem tudo o que achavam que sabiam a respeito de seus respectivos pais. Buscando desvendar esses antigos segredos há muito enterrados, eles partem para Colônia, onde descobrirão suas origens e o passado sombrio de Olaf. Uma trama envolvendo amizades, traição, morte, amor e milagres que uma obscura organização surgida na época do Terceiro Reich fará de tudo para manter em segredo, na intenção de encobrir a verdadeira identidade sobre uma criança conhecida somente como… A Filha do Reich. 

Sobre o autor: Paulo Stucchi é jornalista e psicanalista. Formou-se em Comunicação Social pela Unesp Bauru. Ele é especialista em Jornalismo Institucional pela PUC-SP e Mestre em Processos Comunicacionais, com ênfase em Comunicação Empresarial pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou como jornalista em revistas e jornais impressos, tornando-se editor, por treze anos, de uma publicação segmentada para o setor gráfico. Divide seu tempo entre o trabalho de assessor de comunicação e sua paixão pela literatura, principalmente, romances históricos. Também é autor de Menina – Mitacuña, O Triste Amor de Augusto Ramonet, Natal sem Mamãe e A Fonte.

Site do autor:
http://www.paulostucchi.com.br

Redes sociais:
https://www.facebook.com/escritorpaulostucchi/
https://www.instagram.com/paulostucchi/

Comente