Nível de emprego na indústria apresenta variação de -0,69% no mês de abril

A Federação e o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp/Ciesp) divulgaram nesta quinta-feira (16) o resultado da pesquisa de emprego do mês de abril de 2019. A região de Sorocaba,  composta por 48 municípios, apresentou variação negativa de -0,69%, o que representa uma queda de aproximadamente 700 postos de trabalho.

 Dados da pesquisa demonstram que no acumulado deste ano a variação foi de -0,21%, o que equivale a redução de 200 vagas de emprego. Nos últimos 12 meses, o resultado também é negativo (-0,86%), o que corresponde ao fechamento de 850 postos. Quando comparados os meses de abril de 2018 e 2019 o cenário é pior, pois em abril de 2018 o resultado foi positivo em 0,71%.

 Os setores da indústria que influenciaram no resultado do último mês foram: Confecção de Artigos  do Vestuário e Acessórios (-5,99%); Produtos de Metal, exceto Máquinas e Equipamentos (-2,44%); Produtos de Borracha e de Material Plástico (-0,19%) e Produtos Alimentícios (-0,25%).

 De acordo com o diretor titular do Ciesp Sorocaba, Erly Domingues de Syllos, o desempenho do mês de abril é reflexo do baixo desempenho da economia. “Os investimentos estão em compasso de espera e isso reflete nas contratações, uma vez que a equipe econômica do governo já sinalizou uma redução da alta do PIB (Produto Interno Bruto) para 1,5%, enquanto a expectativa inicial era de que o crescimento do país fosse de 2,2%”, avalia Syllos.

 A pesquisa é realizada pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) e pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), por meio do Departamento de Pesquisa e Estudos Econômicos (Depecon) e das diretorias regionais. Segmentado por ramos de atividades, o estudo abrange 36 diretorias municipais e regionais do Ciesp, tendo como amostra cerca de três mil indústrias distribuídas pelo Estado de São Paulo, que compreendem mais de um milhão de empregos.

Comente